6 Benefícios cientificamente comprovados da água



Aproximadamente 60-70% do nosso peso corporal é constituído por água e o seu consumo é essencial à homeostasia celular e vida.

Na ausência da ingestão de água, o ser humano consegue sobreviver apenas alguns dias. É de extrema importância manter um equilíbrio entre a água ingerida e a excretada, sendo que quando este equilíbrio não é respeitado leva à desidratação.

Alguns dos possíveis efeitos adversos são a diminuição da força e da resistência muscular e o aumento do risco de desenvolvimento de pedras nos rins e de infecções urinárias.


Confira os 6 benefícios da água para a saúde.


A hidratação tem um papel fundamental na função cerebral




O nosso cérebro apresenta na sua constituição cerca de 75% de água, sendo que a desidratação pode afetar a sua função cognitiva.

Os estudos demonstram que a desidratação moderada afeta o funcionamento do cérebro de forma diferente consoante a idade, sendo que as crianças e os idosos são os grupos mais vulneráveis.

Algumas funções cognitivas como a atenção, a memória e as ações executivas podem ser prejudicadas por uma desidratação de apenas 2%.

Os efeitos clínicos da desidratação na função cognitiva sobressaem a importância de manter um estado de hidratação ótimo.


Beber água pode reduzir e prevenir as dores de cabeça




Vários estudos demonstram que a desidratação pode desencadear dores de cabeça e enxaquecas em alguns indivíduos.

Num estudo piloto realizado durante 2 semanas em pacientes com enxaquecas frequentes, foi recomendada a ingestão diária de 1,5L de água que demonstrou uma redução significativa na frequência, duração e intensidade das enxaquecas.

Assim sendo, a ingestão de água pode ser considerada uma intervenção fácil e de baixo custo para a redução e prevenção das dores de cabeça.


Beber mais água diminui a obstipação




A obstipação é caracterizada pelo trânsito intestinal lento e pela dificuldade da passagem das fezes.

Uma das principais causas da obstipação é a ingestão insuficiente de água. O aumento da ingestão de água é frequentemente recomendado como tratamento da obstipação juntamente com o aumento do consumo de fibras (frutas e vegetais).


Ajuda a prevenir os cálculos renais




Os rins apresentam um papel crucial na regulação do equilíbrio hidroeletrolítico através da filtração de resíduos do sangue e pela sua excreção na urina.

A ingestão insuficiente de água diminui o volume de urina que passa pelos rins, o que aumenta a concentração dos minerais e, deste modo, aumenta a cristalização e formação de aglomerados (cáculos renais).

A ingestão diária de 1,5L a 2,0L de água é suficiente para prevenir a formação de cálculos renais, em adultos saudáveis.


Melhora a performance física




Durante a prática de exercício físico intenso ou em períodos de maior calor é essencial manter-se hidratado para que tenha uma performance física otimizada.

A desidratação pode ter efeitos no corpo a partir de uma perda de 2% de água. Em eventos exigentes é comum que os atletas percam entre 6-10% de água através do suor, levando à desidratação caso os fluídos não sejam reabastecidos. Isto pode levar a alterações na regulação da temperatura corporal, ao aumento da fadiga e ao aumento da perceção do esforço, diminuindo assim a motivação e a performance.

A desidratação diminui significativamente a duração do exercício até que chegue à exaustão, ou seja, se estiver desidratado vai ficar exausto muito mais rapidamente.

Se pratica exercício intenso e tende a suar, manter-se hidratado pode ajudá-lo a ter um melhor desempenho físico, contudo o ideal é iniciar o exercício com um bom estado hidratação.


Beber água pode ajudar na perda de peso




Beber água pode ajudar a perder peso, pois aumenta naturalmente a saciedade e a taxa metabólica.

Num estudo publicado pelo Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism em que o objetivo era verificar o efeito do consumo de água no gasto energético e na taxa de oxidação verificou-se que beber 500ml de água aumentou a taxa metabólica em 30%. Este aumento foi observado nos 10 minutos seguintes à ingestão e atingiu o seu máximo após 30-40 min.

Neste estudo estimou-se que se uma pessoa beber 2,0L diariamente poderá aumentar aproximadamente o seu gasto energético em 96kcal.



#gastroclinic #beneficiosdaagua #gastroenterologia #bemestar #saude #perderpeso #exerciciofisico

  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Ícone
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Cinzento G + Ícone
  • Cinza ícone do YouTube